Vinte e Cinco, Vinte e Um (2022) poster
8.8
Sua Avaliação: 0/10
Avaliações: 8.8/10 de 51,249 usuários
# de Fãs: 95,156
Resenhas: 391 usuários
Classificado #172
Popularidade #58
Fãs 51,249

Em uma época de crise, uma esgrimista adolescente vai atrás de seu grande sonho e conhece um jovem esforçado que quer reconstruir a vida. (Fonte: Netflix) Editar Tradução

  • Português (Brasil)
  • 中文(简体)
  • 中文(台灣)
  • Arabic
  • País: South Korea
  • Tipo: Drama
  • Episódios: 16
  • Exibido: Fev 12, 2022 - Abr 3, 2022
  • Exibido em: Sábado, Domingo
  • Original Network: Netflix tvN
  • Duração: 1 hr. 15 min.
  • Pontuação: 8.8 (scored by 51,249 usuários)
  • Classificado: #172
  • Popularidade: #58
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - Teens 15 or older

Onde assistir Vinte e Cinco, Vinte e Um

TVING
Subscription
Netflix
Subscription (sub)

Elenco e Créditos

Resenhas

Completados
rena_gabs
2 pessoas acharam esta resenha útil
Jan 23, 2023
16 of 16 episódios vistos
Completados 0
No geral 9.5
História 9.0
Acting/Cast 10
Musical 10
Voltar a ver 8.0

2521: Um dorama sobre amadurecimento e a juventude dos anos 90

Repleto de emoções, Twenty Five, Twenty One é sobre jovens em buscas dos seus sonhos no final dos anos 90.

"Vamos ser felizes juntos, mesmo que seja por um breve momento". Acho que esse trecho é o que melhor define o dorama Tweety Five, Tweenty One.

A trama acompanha a história da jovem esgrimista Na Hee Do (Kim Taeri) e do Baek Jin (Nam Joo Hyuk) a partir de 1998 quando a Coreia do Sul estava enfretando a crise do Fundo Monetário Internacional (FMI). O primeiro episódio inicia quando a filha de Na Hee Do vai passar um tempo na casa da avó e acaba encontrando nas coisas antigas da mãe os diários dela.

Conforme Kim Min-chae (Choi Myung-bin) vai lendo o diário de Na hee-do, somos apresentados aos personagens e acontecimentos da trama no final dos anos 90, na entrada dos anos 20.

Como de costume, vi um trecho de um episódio no TikTok e essa foi a razão pela qual decidi assistir. E não me arrependi. Acho lindo essas histórias ocorridas nos anos 90. O cenário e a fotografia da trama me lembrou de a Garota do Século XX. Em alguns episódios conseguia fazer um paralelo do que os personagens de ambas as histórias poderiam estar fazendo naquele exato momento.

A proposta do enredo em si é coerente, mostra como a Na Hee-do e o Baek Jin se conheceram em meio as dificuldades que ambos enfrentaram durante a crise e apresenta uma realidade, de fato, ocorrida em 1998.

Uma das coisas que eu mais amei na história é, sem dúvidas, o quanto a Na Hee-do é destemida e persistente. Desde cedo ela sonhava em ser esgrimista e lutou de fato para isso, mesmo com muitos desacreditando dela e a relação conturbada com a mãe. Além disso, ela é extrovertida e tem uma energia contagiante.

Já o Baek Jin, que teve sua família separada durante a crise do FMI, estava em busca de uma nova vida em meio a uma realidade totalmente diferente do que ele estava acostumado. O personagem tem um coração gigante, é inteligente, focado e o enxergo como uma esponjinha que absorve quase tudo ao seu redor. É bem interessante acompanhar o desenrolar desses dois personagens, que servem de apoio um para outro em momentos difíceis, e confome vão evoluindo, fica evidente como ambos amadurecem.

Em meio a tudo isso, também somos apresentados aos personagens secundários Ko Yurim (Bona), Moon Jin-ung (Cho Hyun-wook)e Ji Seung-wan (Lee Joo-myung). A construção da amizade deles é o que traz leveza e torna a história mais divertida.

Twenty-five, Twenty One é um k-drama nostálgico, divertido e realista. Apresenta a transição de jovens para a vida adulta em busca de seus sonhos de uma forma intensa e nos faz refletir sobre como os momentos vividos na juventude são únicos.

Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?
Completados
vitoria
1 pessoas acharam esta resenha útil
Abr 5, 2022
16 of 16 episódios vistos
Completados 0
No geral 9.5
História 9.0
Acting/Cast 10
Musical 10
Voltar a ver 9.0
Esta resenha pode conter spoilers

Eu fui feliz enquanto estava com vocês. Mesmo que nada dure para sempre, mas isso aqui vai.

Eu não achei que twenty five twenty one iria se tornar tão importante pra mim? No começo que eu disse que amei, achei que seria mais um drama que iria me fazer feliz, eu ia amar e pronto. Mas ele tomou proporções inexplicáveis. Eu me apaixonei por tudo (calma que eu voltei a chorar de novo e não tô enxergando nada). Eu me apaixonei pelo joo hyuk e queria que o baek yi Jin fosse meu primeiro amor e acabei escolhendo ele pra ser no meu coração. A hee do me fazia ter fé e otimismo, me fazia querer ser feliz e aproveitar os momentos. A Yu rim me fez querer ir atrás dos sonhos e ajudar minha família e suportar o que vinher. O ji woong me fez enxergar com a visão da juventude e como se tudo fosse fácil de lidar (espero que mesmo aos 29 como ele estava eu continue enxergando assim). A seung Wan me fez me ver nela, o quão é difícil ter que lidar com tudo e ainda assim ter tantas responsabilidades depois. Ela não gostava e enfrentava mesmo assim, uma personagem que amei. E uma das coisas mais linda é a química, amor e o brilho nos olhos da hee do e baek yi Jin. E vai ficar pra sempre guardado na minha memória.
Tem um momento na vida da gente que vai ser 100% perfeito e depois tudo vai desmoronar e a gente não vai saber como lidar, com o que vai ficar e o que vai embora. Eu fui muito feliz durante um tempo e pra mim hoje em dia não sou mais, acho que o tempo de crescer e saber que nada dura pra sempre chegou muito cedo, a 4 anos atrás. E hoje com meus quase 20 eu não consigo aceitar isso sabe? Eu quero continuar jovem e com a energia que eu sempre tive. Mas eu tanto me recuso que provavelmente eu não consigo me sentir feliz de novo.
Twenty five twenty one eu fui tão feliz com vocês por esse período. Eu ria, me emocionava e aprendi tanto! Obrigada por tudo. Obrigada por me fazer amarem vocês.
Eu espero que eu possar fazer desse meu tempo jovem um momento para não esquecer e que eu faça querer que dure para sempre.
Eu não tenho nenhum defeito para falar do drama (talvez), a história, todo o enredo, os personagens, a OST, a cenografia, tudo que aconteceu naquela mesma época. Foi tudo tão impecável e lindo, a maneira como eles cresceram e se tornaram essas pessoas maravilhosas. A maneira que vimos a história na medida que a min chae filha da hee do também via era tão lindo, pra ela entender que desistir de uma coisa que gostava sabe? Que poderia continuar persistindo e quantas lições isso iria trazer pra ela. A atriz arrasou, foi maravilhosa. E no final mais emocionante ainda ela dizendo que ia escrever a própria história agora. (poderiam fazer a história dela mais pra frente tipo um spin off mas não quero sofrer mais não e dorama é diferente dessas séries americanas, se fosse um livro até que seria bom...)
Eu só tô tão triste, porque queria eles juntos numa última cena final, eu queria TANTO o baek yi Jin e a hee do juntos, acho que isso é minha maior tristeza.
Mas eles foram o primeiro amor um do outro e talvez isso tenha sido suficiente (não pra mim). Eu queria tanto eles juntos. Eu só queria isso. Mas eu amei passar cada momento feliz com vocês. Eu amei tudo isso. E na minha cabeça vou fazer uma fic que vocês estão juntos sim como eu tanto tinha dito na minha teoria.
Obrigada por fazer meus últimos meses com 19 serem tão felizes (e um tiquinho triste) É isso o que tenho a dizer pra vocês.
Adeus, baek yi Jin, na hee do, seung Wan, ko yu rim, ji woong. 💛

ps.: Eu esqueci de falar que eu quero fazer Jornalismo e eu sei que nessa área você pode fazer várias coisas mas e se eu seguir pra Repórter? Eu fiquei com receio de realmente não ter tempo pras pessoas que amo (e eu nem entrei no curso ainda e nem deveria estar pensando nisso) mas também vendo o baek yi Jin me deu a certeza de que é uma coisa que eu quero fazer sabe?
Eu esqueci do óbvio, o amor da Hee do e do baek yi Jin é uma das coisas mais linda que já vi e experimentei, eles crescendo juntos foi tão lindo, eu ficava tão extasiada. E de uma coisa um comentário que vi tá certo, o amor mais lindo e profundo que era o deles não deu certo mas o da yu rim na Rússia e do ji woong na Coreia deu? O irmão dele voltou e disse que tava esperando pela seung Wan? Enfim a tristeza
E o fato da gente não saber quem é o pai da min chae que era tão importante!
E que era sim pra ele aparecer no presente pelo menos? E todo o resto sabe? que tristeza
e não me saí da cabeça a mãe dela perguntando se ela tem visto ele! Só me deu esperança do reencontro. Acabou que eu gostei mais ou menos do final, ele foi decepcionante, tem a questão das expectativas também.

Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?

Recomendações

Garota do Século 20
Melancia Cintilante
A Fada do Levantamento de Peso, Kim Bok Joo
Rookie Cops: Os Novatos
Responde 1988
Love All Play

Detalhes

  • Drama: Vinte e Cinco, Vinte e Um
  • País: Coreia do Sul
  • Episódios: 16
  • Exibido: Fev 12, 2022 - Abr 3, 2022
  • Exibido On: Sábado, Domingo
  • Original Network: Netflix, tvN
  • Duração: 1 hr. 15 min.
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - 15 anos ou mais

Estatísticas

  • Pontuação: 8.8 (avaliado por 51,249 usuários)
  • Classificado: #172
  • Popularidade: #58
  • Fãs: 95,156

Principais Contribuidores

edições 232
edições 110
edições 74
edições 69

Notícias e artigos

Listas populares

Listas relacionadas de usuários
All Time Favorite Dramas
686 titles 1709 loves 35
Causes Ugly Crying /Heartbreaking
332 titles 499 loves 36
tvN Dramas
324 titles 183 loves

Assistido recentemente por