Sinal (2016) poster
8.9
Sua Avaliação: 0/10
Avaliações: 8.9/10 de 34,086 usuários
# de Fãs: 81,680
Resenhas: 184 usuários
Classificado #103
Popularidade #92
Fãs 34,086

Quinze anos atrás, uma menina foi sequestrada voltando da escola, e Park Hae Yeong, que era aluno do ensino fundamental na época, testemunhou o crime. Alguns dias depois, a menina foi encontrada morta e a polícia não conseguiu encontrar o culpado. Com o passar do tempo, Hae Yeong começou a desconfiar da polícia. Quinze anos depois, Hae Yeong agora é policial e criador de perfis criminais. Um dia, ele encontra um walkie-talkie que lhe permite entrar em contato com o detetive Lee Jae Han, que está quinze anos no passado. Os policiais Hae Yeong, Jae Han e Cha So Hyun se unem em uma jornada para resolver casos criminais que foram arquivados. (Fonte: Inglês = MyDramaList || Tradução = Marina at MyDramaList) Editar Tradução

  • Português (Brasil)
  • 한국어
  • 中文(台灣)
  • Arabic
  • País: South Korea
  • Tipo: Drama
  • Episódios: 16
  • Exibido: Jan 22, 2016 - Mar 12, 2016
  • Exibido em: Sexta, Sábado
  • Original Network: tvN
  • Duração: 1 hr. 15 min.
  • Pontuação: 8.9 (scored by 34,086 usuários)
  • Classificado: #103
  • Popularidade: #92
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - Teens 15 or older

Onde assistir Sinal

WeTV
Grátis (sub)
Tubi
Grátis (sub)
Prime Video
Subscription (sub)
iQIYI
Grátis (sub)

Elenco e Créditos

Resenhas

Completados
Jhonny_Santos
1 pessoas acharam esta resenha útil
Out 7, 2019
16 of 16 episódios vistos
Completados 0
No geral 9.0
História 9.0
Acting/Cast 10
Musical 8.0
Voltar a ver 9.0
Esta resenha pode conter spoilers
Simplesmente magnífico, uma das melhores séries que já assistir em questão de narrativa e história.

Todos os personagens são incríveis e tem uma ótima construção e motivos/base pro seus atos, sejam eles ruins ou bons. A grandeza dos dois personagens principais e simplesmente espetacular, a interação deles por mais que as vezes eu gostaria que eles fossem direto ao ponto ao invés de enrolar, foi sempre pra um momento maior da drama, o relacionamento da 0,5 com o detetive Lee Jae Han é muito intenso e tem algo pra falar com o espectador.

O que dizer dos vilões dessa série, todos fenomenais, principalmente o do caso Hongwon-dong e da mulher do caso do Kim Yoon-Jung, onde por mais que ela tenha feito tudo "escrachadamente" pra incriminar o Yoon-Jung, ela ainda conseguiu engana a polícia, os demais vilões da obra, também fora bons.

O drama passa a mensagem que o passado não pode ser alterado, porém nós podemos arrumar o futuro e nunca desisti.

Apesar de da 10 e ter achando o drama espetacular, tem algumas coisas que quero ressaltar, porém não alterar minha nota e visão sobre o drama:

1° Eles não explicam um motivo científico e e nem tentam da um motivo do por que conseguiam se comunicar do passado pro futuro e vice versa. Achei que eles poderiam ter usando algo científico ou mesmo relacionado aos astros/planetas, só usaram a hora morte dele é o fato dele nunca desistir.

2° Apesar do final ter sido aberto, o mesmo pode ser visto como interpretativo, resumindo, eu vi como eles se encontrando o Jae Han e conseguindo prender o último e maior (não melhor) vilão da obra.

3° Apesar de curtido o final interpretativo, achei que a partir do meio do episódio 14 o drama toma um rumo que eu não achei tão bacana, os personagens passam a agir mais no emocional do que de maneira racional, eu teria mudado, repito apesar de ter gostado como um todo.


Sobre cada "arco" do drama apesar de todos estarem ligado aos protagonistas, eles não estão ligados entre si.


2000 - Caso de Kim Yoon-Jung

Primeiro caso que o drama apresenta e na linha cronológica que o drama de passa, último caso do drama. Sobre uma mulher que usar e se passa por um homem que estava apaixonado por ela. A mesma depois de sequestrar e assassina uma menina e assassina próprio homem, depois do mesmo tê-la pego em flagrante e tentando fazer ela se entregar, a mesma o mata o drogando e fazendo parecer um suicídio, então corta seu dedo e usa suas impressões digitais para da a entender que ele foi o autor do crime e logo depois se suicidando.


9,7/10


1989 - Serial Killer de Gyeonggi do Sul


Esse foi o "arco" que achei mais fraco de toda série, por isso vou ser mais resumido, como o nome já diz, sobre um assassino em série, que andava no ônibus desde criança, pelo fato de não ter mãe e seu pai ser motorista, então o mesmo o levava para o trabalho, onde o assassino cresceu e ficou acompanhando a movimentação das vítimas e assassinou 9 mulheres, apesar do policial Lee Jae Han ter salvado uma e o número caindo pra 8, Lee Jae Han vai atrás do assassino, mas depois de uma perseguição, ele acaba caindo de um prédio e perde o movimento da parte de baixo do corpo, o caso é resolvido só no futuro pelo Park Hae Yeong.


8,4/10


1995 - Grande Roubo

Caso do futuro advogado, que assassina a mulher errada, depois de tê-la estuprada e seus amigos (país poderosos no governo) terem filmado, ele rouba a casa de todos eles atrás do vídeo e acaba colocando a culpa em outra pessoa, que por sinal é um ex ladrão, que por ter uma filha, voltou pra vida honesta, amigo do detetive, que cuidou da filha dele depois da última prisão.

Obs: esse caso seria ligado a outro de corrupção e suborno, porém uma policial na época apagou os dados.


9,6/10


1997 - Seria Killer depressivo de Hongwon-dong

Como o nome já diz tudo, um homem depressivo que depois de sofrer abusos da mãe e obviamente de ter tido uma infância sofrida e difícil, começa a mata várias mulheres com depressão, igual a ele, onde na visão dele, ele estaria trazendo a paz pra elas, o mesmo já deve um cachorrinho, porém sua mãe o matou. No total foram 11 assassinatos e mais uma tentativa, que foi a polícia novata Cha Soo Hyun, que querendo ajudar o policial Lee Jae Han, pegou as provas e foi até a região, lá a mesma foi foi sequestrada, porém conseguiu fugir e aconteceu outras coisas, mas depois da alteração no passado e acontecendo vários fatores que levaram ao Lee Jae Han prender o Serial Killer com a ajuda da Cha Soo Hyun do futuro (presente pro telespectador, futuro pro Jae Han) e do Park Hae Yeong, ficou só em 3 vítimas, 2 fatais e a outra não.


10/10


1999 - Estupro coletivo da aluna do Inju

Caso relacionado ao irmão do protagonista Park Hae Yeong. Em uma pena cidade da Coréia, os setes alunos do conselho de classe da escola estupram uma aluna, porém como os pais desses alunos mandam na cidade e com ajuda de um policial corrupto, algumas pessoas locais, da própria polícia forjando provas e pagando os demais para ficarem em silêncio (inclusive a menina estuprada) eles culpam o irmão do nosso protagonista, onde o mesmo leva toda culpa é vai pro reformatório, quando o mesmo sair, tenta prova sua inocência, porém é dopado e morto, fazendo parece que o mesmo cortou os pulsos.

"Provas fabricadas, testemunhas pagas para cometerem perjúrio, isso que acontece com você, se você não desisti, igual seu irmão."
Frase de Kim Beom Joo para o Park Hae Yeong, depois de ter fabricado e pagado testemunhas, para ele levar a culpa sobre o assassinato do chefe (Ahn Chi Soo) dele que estava ligado ao caso do irmão do Hae Yeong.



Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?
Completados
Srta Jane
1 pessoas acharam esta resenha útil
Out 11, 2019
16 of 16 episódios vistos
Completados 0
No geral 9.0
História 9.0
Acting/Cast 10
Musical 8.0
Voltar a ver 8.0
Esta resenha pode conter spoilers

Resenha- Signal

Comecei a assistir esse drama despretensiosamente, e não sou muito fã de histórias que envolvam viagem no tempo ou coisas assim, já que a maioria das vezes que vi alguma produção sobre essa temática, por algum motivo que desconheço, quando se aproximavam da reta final, sempre me decepcionava pela quebra do ritmo ou porque os roteiristas se perdiam no caminho e a história chegava a um ponto que considerava fantasiosa demais, o que me fazia perder o interesse.

Mas não foi isso o que aconteceu aqui, e por isso realmente me surpreendi com esse drama. Logo nos primeiros episódios, tive a sensação de que era um drama promissor e que ia gostar dele pela forma como o enredo foi contado.

A história é bem intrigante e muito interessante, e as transmissões entre os dois policiais através do Walkie-Talkie tornaram o enredo ainda mais divertido de se ver, isso conseguiu me manter naquela expectativa a cada novo episódio e não deixou o ritmo cair em momento algum. Não posso deixar de acrescentar que a reta final me deixou tão curiosa sobre o que viria a seguir que me fez criar altas teorias sobre o desfecho.

A forma como cada caso que eles resolvem está interligado aos outros como se fossem peças de um quebra- cabeças que vão se encaixando aos poucos foi sensacional. Além disso, a reação em cadeia que é gerada no momento em que um acontecimento do passado é modificado e consequentemente transforma as situações do futuro completamente, tanto para melhor quando para pior em alguns momentos. E ao mesmo tempo a luta incessante dos dois detetives para salvar vidas, e o cuidado que passaram a tomar para concertar certas coisas foi simplesmente magistral,.

Gostei da personalidade de ambos protagonistas e ausência de romance nessa história em particular, retirou aquele caráter clichê que é corriqueiro desse gênero, o que me relembrou aqueles tempos em que eu assistia uma serie policial americana maravilhosa chamada: Cold Case. Sim, eu senti a mesma vibe aqui, por toda a questão envolvendo os casos arquivados que vão sendo solucionados pelos detetives no decorrer da história.

E que vilões foram aqueles ? Os atores entraram de cabeça no papel e as artimanhas e maquinações desses personagens eram tão malvadas, que a soma de todos seus atos, me fizeram torcer para que tivessem um fim trágico que mereciam, e que quando caíssem do seu pedestal, ficassem totalmente desolados. Fazer o que? Eu realmente nunca torço para o lado bandido, e sempre quero que colham tudo aquilo que plantaram no final.



●❯L E V E •S P O I L E R ❮●

O que senti falta no final foi que explicassem o motivo das transmissões terem começado e porque ela se deu entre aqueles dois detetives em particular. Quem dera tivessem me dado só mais alguns minutos no ultimo episodio para ver aquele encontro épico entre os três protagonistas, já que esperei por este momento desde o primeiro episódio.

Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?

Detalhes

  • Drama: Sinal
  • País: Coreia do Sul
  • Episódios: 16
  • Exibido: Jan 22, 2016 - Mar 12, 2016
  • Exibido On: Sexta, Sábado
  • Original Network: tvN
  • Duração: 1 hr. 15 min.
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - 15 anos ou mais

Estatísticas

  • Pontuação: 8.9 (avaliado por 34,086 usuários)
  • Classificado: #103
  • Popularidade: #92
  • Fãs: 81,680

Principais Contribuidores

edições 113
edições 109
edições 84
edições 49

Notícias e artigos

Listas populares

Listas relacionadas de usuários
Nail Biters & Whodunits
400 titles 361 loves
Psychopaths & Serial killers
90 titles 328 loves 11
Noona Romance
513 titles 282 loves 17

Assistido recentemente por