Detalhes

  • Última vez online: 5 dias atrás
  • Localização:
  • Contribution Points: 0 LV0
  • Papéis:
  • Data de Admissão: fevereiro 23, 2024
The Eclipse thai drama review
Completados
The Eclipse
0 pessoas acharam esta resenha útil
by duds porongo
Abr 11, 2024
12 of 12 episódios vistos
Completados
No geral 8.5
História 8.0
Atuação/Elenco 10.0
Musical 8.5
Voltar a ver 9.0

Os maiorais!

( AVISO, comentei bastante sobre a personalidade dos personagens, talvez pra alguém que não viu ainda isso conte como spoiler, então cuidado! )
Já faz algumas semanas desde que vi The Eclipse pela primeira vez, genuinamente esqueci de fazer a review, mas é TÃO memorável que eu lembro muito bem tudo que achei sobre a história, sobre a atuação, e praticamente tudo que quero pontuar sobre e compartilhar aqui.
Já começo dizendo que eu me diverti bastante assistindo, muito gostosinho de ver, tanto por já gostar dos atores principais, tanto por eles continuarem honrando tudo de bom que é dito sobre as habilidades de atuação deles, a cada episódio que passava eu só queria descobrir mais e mais sobre as nuances dos personagens deles, sobre suas vidas, suas histórias, suas razões, e principalmente suas dores, que não são poucas.
Entrando mais nesse tópico, eu achei extremamente bonita a forma que o sofrimento de cada um deles foi representada, eu diria até que chegou bastante perto da realidade e isso é muito gratificante de se ver, e gostei ainda mais do jeito de comunicar ao mundo que sua dor é tão válida quanto todas as outras, e que você não se torna menos por senti-la.
"Você tem permissão para ser fraco, pelo menos comigo."
O drama retratou com sucesso a visão de uma pessoa sofrendo de uma depressão profunda pós perda, e como isso tem o poder de DESTRUIR alguém de dentro pra fora, vimos isso com o personagem Ayan, ele estava tão perdido na dor do luto e no pensamento de que ele precisava fazer algo sobre isso, ao ponto que suas ações se tornarem extremamente inconsequentes, sendo danosas até para ele mesmo durante esse processo. E com Akk, vimos PERFEITAMENTE como a mente de alguém que conseguiu uma oportunidade única de se provar funciona, ele já havia sofrido bastante anteriormente com a discriminação social, por ter vindo de interior, por ter menos condições, e isso fazia com que as pessoas se sentissem no direito de o menosprezar, então tudo que ele sentia a necessidade de fazer era agarrar essa chance e cuidar para que nunca perdesse ela, pois isso havia se tornado quem ele era, e não podia mais voltar atrás, juntando tudo isso com a pressão acadêmica, um perfeito robô que só sabia seguir estritamente as regras foi criado.
E então The Eclipse faz essas duas mentes turbulentas se chocarem, de fato como acontece em um eclipse, eles passam por uma longa trajetória repleta de medos, receios, e MUITO crescimento pessoal com a ajuda um do outro, a quantidade de apoio que vemos, a COMPREENSÃO é linda de se ver, e vemos como o amor tem realmente o poder de mudar as pessoas, de trazer o melhor nelas novamente.
Finalizo essa review dizendo que apesar do BL não ser o meu favorito de todos os tempos, ele com certeza entra na lista junto com os melhores que já vi, e vale MUITO a pena assistir, até tiro um pouco do meu tempo aqui pra parabenizar DE NOVO as habilidades dos atores principais, esse não é o primeiro papel emocionante que o First Kanaphan protagoniza, mas ele conseguiu DEVORAR esse roteiro com atuação e talento, e tenho que admitir, assistir homens chorando sempre mexeu comigo, e o First chora extremamente LINDO. Ademais, Khaotung Thanawat, este é outro que talento pra atuação é o que não falta, quero ressaltar até mesmo como os olhos dele são muito expressivos e adicionam bastante na hora de fazer cenas mais emocionantes, e acreditam, temos cenas incríveis assim de SOBRA em The Eclipse.
Esta resenha foi útil para você?