O Casamento Proibido (2022) poster
8.3
Sua Avaliação: 0/10
Avaliações: 8.3/10 de 10,092 usuários
# de Fãs: 23,203
Resenhas: 83 usuários
Classificado #1058
Popularidade #665
Fãs 10,092

Quando a princesa herdeira faleceu, o rei ficou devastado e uma lei que proíbe o casamento na era Joseon foi proclamada. Sete anos depois, as pessoas que sonhavam em ser casar criaram um enorme ressentimento sobre isso e se sentiram injustiçados. Buscando mudar a situação, seria preciso arranjar alguém para o rei se apaixonar e salvar o povo daquela miséria. Editar Tradução

  • Português (Brasil)
  • ภาษาไทย
  • Arabic
  • Русский
  • País: South Korea
  • Tipo: Drama
  • Episódios: 12
  • Exibido: Dez 9, 2022 - Jan 21, 2023
  • Exibido em: Sexta, Sábado
  • Original Network: MBC
  • Duração: 1 hr. 10 min.
  • Pontuação: 8.3 (scored by 10,092 usuários)
  • Classificado: #1058
  • Popularidade: #665
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - Teens 15 or older

Onde assistir O Casamento Proibido

Viki
Subscription (sub)
Prime Video
Subscription (sub)
Kocowa
Subscription (sub)

Elenco e Créditos

Resenhas

Completados
vitoria
0 pessoas acharam esta resenha útil
Fev 13, 2023
12 of 12 episódios vistos
Completados 0
No geral 9.0
História 9.0
Acting/Cast 10
Musical 9.0
Voltar a ver 9.0
Esta resenha pode conter spoilers

Não vamos deixra de amar.

Eu amei esse final, que fofo, tanto eles cada um com seu par como o nome do livro novo e as criancinhas filhas do shin woo e dela que fofura aaaaa. Acho que desde o começo the forbidden marriage trouxe essa leveza, tanto que eu ri do começo ao fim, porque era hilário de verdade. Quero parabenizar a Ju hyun porque ela já fez outro papel que eu assisti em que era realmente engraçada e nesse pra mim passou a mesma vibe e eu amei, quero fazer um ranking porque a personagem dela pra mim foi uma das que mais sofreu nos dramas, mas ela nunca perdeu a esperança de viver e eu achei isso bacana, ela transmitia todas suas emoções. Eu amei o rei, eles dois tem muita química, ele é realmente um fofo até o fim, mas meu coração foi do capitão, ele realmente faz meu tipo, o coitado sofreu e eu fiquei feliz que ele não ficou chupando dedo no final, só queria que ele tivesse dito antes pra ela que "eles poderiam ser amigos" que é quando ele realmente pôs os sentimentos que ele tinha de lado e disse que seria feliz com ela feliz, te amo lindo! Uma coisa que eu notei que poderia ter acontecido de diferente é: se caso a só rang realmente tivesse terminado com o capitão e tivesse feito com que o rei melhorasse e estivesse em busca de uma rainha e ela tenta ajudar a desvendar quem está por trás de toda a tramóia e proteger a futura rainha, que seria a namorada do shin won mesmo, fiz a fanfic na minha cabeça sim. Acho que o mais doloroso foi a morte do amigo dele, eu chorei tanto, tanto. Foi o pior pra mim.
Amo que o drama tratou da sexualidade uma coisa normal e natural principalmente depois de tantos anos sem casamento e sem um bebê nascer, achei isso super divertido! O vidente era o máximo, queria que tivesse mostrado mais dele falando sobre o futuro e essas coisas e amei o final que ele fica com o cara lá, fofo demais. O eunuco e a dama da corte, amei tanto kkkkkkkkkk o final dos dois melhor impossível!
Enfim, foi um drama que eu realmente me divertir e pra relaxar ele é super indicado. Gostei muito dos personagens e da história, talvez tenha ficado um pouco enrolativa e cansativa mas o final com o plot deles sendo desmascarados na frente de todo mundo foi muito bom! E o final foi fofo tbm, final feliz pra todo mundo, coisa que a gente ama!

Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?
Completados
Seoran
0 pessoas acharam esta resenha útil
Mai 24, 2023
12 of 12 episódios vistos
Completados 0
No geral 8.5
História 8.5
Acting/Cast 9.0
Musical 8.5
Voltar a ver 8.0

Nada como o amor.

Um pecado esse dorama só ter doze episódios. Mesmo assim, seu encerramento não foi as pressas e aconteceu de modo fechado. Vou citar os pontos que achei mais altos sobre esse drama:

O protagonista masculino:
Eu adoro ver dramas históricos onde o protagonista é o rei. Porém nem sempre essa experiência é agradável, e o drama fica muito politizado e etc. Felizmente não é o caso deste drama, e nós temos um rei cheio de camadas. A personagem dele na minha opinião é a mais interessante, e eu não passei nem perto de ter uma queda pelo segundo mocinho friendzone (eu ouvi um amém?). Amo ver um rei se disfarçando para acessar outros lugares, como o povoado. Ou um rei que sai por conta própria num cavalo e aparece salvando a pele de outras personagens. Lee Heon não é um rei chato, que tá sempre frio e distante, mas também não é um rei sempre animado. A gente vê ele depressivo, lunático, intenso, apaixonado, companheiro. Sua personagem é bem cosntruída e evolui. Essa é a segunda coisa mais satisfatória de se ver, pois a primeira é a beleza dele. Não tem um enquadramento que você não se pegue pensando no quanto ele é bonito ou tem uma voz que meu deus, o horário não me permite falar a respeito. Méritos do Kim Young Dae, guardem esse nome.

Protagonista feminina:
Não acho justo falar só do mocinho, e não quero que pensem que ela também não tem seu destaque. A mocinha é desinibida, direta e uma mentirosa né kkkk. Mas suas atuações como "xamã" são um alívio cômico maravilhoso. Eu me peguei rindo muito algumas vezes, e noutras eu também ficava com dó de quem acreditava na atuação de milhões dela kkkkk. A So Rang não é uma mocinha perfeitinha, nem tímida ou imatura, ela é natural e honesta. Gostei muito de ver o desenvolvimento dela também, e como ela foi se apaixonando pelo rei e demonstrando isso, chegando até mesmo a instigá-lo, coisa que não vemos com frequência né. Eles são um casal lindo juntos, cheios de química, e suas ações são recíprocas. A mocinha é brilhantemente intepretada pela Park Ju Hyun, deem uma olhada no histórico de dramas que essa bonita já protagonizou. Não é uma lista enorme, mas até o momento são todos com notas acima de 8, e títulos bem conhecidos por serem grandes produções. Não é por acaso, ela é realmente ótima atuando.

O golpe do dorama que parece ser comédia, mas na verdade é sombrio e cheio de drama:
Tá aí um golpe que eu adoro cair. Isso costuma acontecer em dramas históricos, e por mim pode continuar acontecendo. Eu sou do time que não curte muito comédia romântica. Minha alma de drama queen se enche de alegria quando me deparo com tramas que trabalham a carga dramática, os dilemas, os conflitos internos, os traumas, algumas cenas trágicas que te surpreendem (pois vc raramente tá esperando por elas). Enfim, eu amo essa montanha russa de emoções. Mas o drama não é nada pesado, tem alívio cômico e bastante romance, tudo na medida certa para nossos míseros 12 episódios (mas pelo menos cada um tem mais de 1 hora de duração kkkkk).

Abordagem natural de temas mais adultos:
Estou ouvindo um segundo amém? Pois é, graças a algum bom deus a gente não vê neste drama todo aquele tabu e frescuragem pra falar sobre intimidades entre um casal. Não tem aquele casal imaturo, cheio de timidez, que não pode nem falar sobre o assunto. A trama de romance e casamento é um ponto forte, então os temas que permeiam isso aparecem de um modo bastante natural, mas sem parecer excessivo. Tudo que remete a romance e intimidade é apenas suave e comum, além de bonito. Não espere ver cenas picantes (infelizmente), mas não pense que ficará sem dar alguns suspiros com nosso casal principal.

Finalizando:
Minha nota só não é maior porque senti que o drama podia ser mais longo, com mais cenas do relacionamento do casal, até mais conflito se fosse o caso. O número reduzido de episódios faz o romance ser um pouco apressado. Eu não senti isso muito fortemente, a coisa flui bem, mas é inevitável eu pensar que desde o momento que os protagonistas se conhecem até o final da trama, não se passa muito tempo. É mesmo aquele amor arrebatador? Ok, não vou reclamar, mas podia ter acontecido mais coisas entre eles. Fiquei esperando que algo em especial acontecesse no final da trama (e que ajudaria a preencher a lacuna que citei acima), mas também não aconteceu, tendo apenas certa sugestão numa cena extra. Tá aceitável, mas podia ser uma trama mostrada na reta final também, seria fofo acompanhar o desenvolvimento disso.
Eu não gostei muito do segundo mocinho. E eu sempre costumo gostar, mas desse vez eu o achei um tanto apático e com um amor pouco convincente. Isso não causou aquela ansiedade gostosinha em triangulos amoros. Eu sou do tipo que gosto de imaginar um segundo cenário onde a mocinha daria uma chance pro friendzone, mas nessa trama não consegui fazer isso. O que pode ser bom também, né. Não vou reclamar. O fato é que nem consegui sentir muita pena dele kkkkk.

É isso gente, apenas assistam. É rápido e fácil de maratonar, sendo um drama do tipo imersivo, com ótimos ganchos que vão te deixar com raiva se for de madrugada e você se pegar pensando "só vou assistir mais esse e dormir". Uma cilada, assista ele de dia e seja feliz.

Leia Mais

Esta resenha foi útil para você?

Recomendações

Rainha Cheorin
Nossa Juventude Florescente
Vestido Com Mangas Vermelhas
Alquimia das Almas 2: Luz e Sombra
Meu Príncipe Por 100 Dias
The Legendary Life of Queen Lau

Detalhes

  • Drama: O Casamento Proibido
  • País: Coreia do Sul
  • Episódios: 12
  • Exibido: Dez 9, 2022 - Jan 21, 2023
  • Exibido On: Sexta, Sábado
  • Original Network: MBC
  • Duração: 1 hr. 10 min.
  • Classificação do Conteúdo: 15+ - 15 anos ou mais

Estatísticas

  • Pontuação: 8.3 (avaliado por 10,092 usuários)
  • Classificado: #1058
  • Popularidade: #665
  • Fãs: 23,203

Principais Contribuidores

edições 85
edições 84
edições 75
edições 66

Notícias e artigos

Listas populares

Listas relacionadas de usuários
All Time Favorite Dramas
686 titles 1714 loves 35
Short KDrama
2101 titles 439 loves 15
Happily Ever After Fantasy Romance
106 titles 196 loves 6

Assistido recentemente por